Página inicial > Notícias > Seleção de Projetos de Economia Solidária

Edital

Seleção de Projetos de Economia Solidária

quarta-feira 5 de abril de 2017, por Alampyme

Pequenos empreendedores ligados à justiça econômica e socioambiental da região Sul, ou atuantes em direitos LGBT em âmbito nacional, poderão cadastrar propostas de ate R$ 15 mil.

Até o dia 12 de abril, mulheres e homens que trabalhem com empreendimentos econômicos solidários poderão cadastrar suas propostas na Seleção de Projetos de Economia Solidária a serem apoiados pela Fundação Luterana de Diaconia. O valor máximo do apoio financeiro será de R$ 15.000,00 (quinze mil reais).

1. JUSTIÇA ECONÔMICA - PR, SC e RS

Este edital vai apoiar projetos de economia solidária, que promovam o fortalecimento de Empreendimentos Econômicos Solidários (EES), principalmente nas áreas de estruturação, formalização e qualificação para a gestão democrática e comercialização via comércio justo e solidário.

Serão priorizados projetos vinculados a redes de economia solidária. Voltado aos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Não serão considerados projetos oriundos de pessoas físicas, de instituições privadas, órgãos públicos e de instituições de ensino superior.

Saiba mais

2. JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL - Pampa e Mata Atlântica e na Zona Costeira e Marinha

Poderão se cadastrar povos e comunidades tradicionais, assentadas e assentados da reforma agrária, agricultoras e agricultores familiares, juventude rural. Este edital tem três focos temáticos. A instituição proponente poderá optar por um deles ou integrá-los em um mesmo projeto.

Foco temático 1): Apoiar projetos de valorização do conhecimento tradicional, fortalecimento de identidades socioculturais e uso sustentável da biodiversidade nos biomas Pampa e Mata Atlântica e na Zona Costeira e Marinha. Foco temático 2): Apoiar projetos de implementação e consolidação de experiências agroecológicas, que priorizam o protagonismo das mulheres. Foco temático 3): Apoiar projetos de fortalecimento da gestão democrática com justiça de gênero em organizações que promovem a agroecologia e/ou a valorização da sociobiodiversidade. São elegíveis organizações da sociedade civil, grupos, redes e/ou movimentos sociais do campo. O edital abrange os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Saiba mais.

3. DIREITOS LGBT

O edital visa apoiar projetos voltados à defesa e garantia de direitos, com foco na justiça de gênero, direitos da população LGBT, democratização da comunicação, direitos das pessoas refugiadas e imigrantes, incidência em direitos humanos e superação da intolerância religiosa. Com abrangência nacional, considerará projetos encaminhados por coletivos, redes, fóruns, movimentos sociais e organizações da sociedade civil. Os projetos devem ser elaborados e enviados pela da plataforma de projetos, disponível no endereço http://www.fld.com.br/projetos/requerente/login.php
Saiba mais

Imagem: Padaria Pão da Vida, em Almirante Tamandaré-PR, integrante do projeto Fermento na Massa – Fortalecimento da Rede de Panificadoras e Cozinhas Comunitárias, firmado com a Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes) com apoio da Pastoral da Criança e do Centro de Formação Urbano Rural Irmã Araújo (Cefuria).

Notícias

Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada

site criado pela